A ARTE DE LIDERAR PESSOAS

21/10/2020

Aprender a lidar com pessoas e se comunicar assertivamente é uma arte que deve fazer parte em todos os ambientes que estamos inseridos: família, escola, sociedade e trabalho.

A falta de habilidade nessa área, compromete as relações humanas em todos esses contextos, sendo assim, o empreendedor que fizer um investimento para desenvolver na equipe de líderes a inteligência emocional, estará contribuindo para alcançar os resultados almejados.

Um líder inspirador reconhece as suas próprias reações nos mais variados contextos.

A psicologia define Inteligência Emocional como a capacidade de reconhecer, avaliar e lidar com os próprios sentimentos.

Daniel Goleman, especialista na área, atribui 5 pilares para a Inteligência Emocional: Conhecimento, Controle, Automotivação, Empatia e Relacionamento.

É muito importante reconhecer os comportamentos emocionais e os gatilhos mentais que mobilizam nossos sentimentos e atitudes. O autoconhecimento favorece o controle das emoções e a automotivação. Olhar para dentro de si e perceber as influências dessas emoções nas atividades do dia-a-dia, podem contribuir para atingir os objetivos. Agir com empatia, evitando julgar ao outro a partir da sua ótica pessoal, equilibra as relações interpessoais saudáveis e promove o engajamento necessário na arte de lidar com as pessoas.

A ARTE DE LIDERAR PESSOAS, na minha visão, sempre parte dos valores que norteiam a nossa vida, quer seja no trabalho ou na nossa vida pessoal.

É essencial que nosso discurso seja compatível com as nossas práticas. Dessa forma se estabelece uma relação de confiança e respeito.

Somos seres sociais e nossas experiências comprovam a cada dia que para liderar pessoas e potencializar os seus pontos fortes, precisamos ter um olhar e uma escuta ativa individualizada, mesmo que nossos objetivos devam ser comuns.